The Breakfast Club

Há vinte anos atrás (vinte e três para ser mais exato) era lançado o filme The Breakfast Club, aqui lançado com o título de O Clube dos Cinco. Vinte anos depois, eu ainda lembro desse filme e não é porque eu assisto todo o dia, na verdade, assisti esse filme somente duas vezes, vamos dizer que a média é uma vez a cada dez anos. O filme é considerado o melhor filme para adolescente de todos, e concordo com isso. Não é uma comédia pastelão como American Pie ou Porky’s, mas também não é um drama dramático. É apenas um filme que passava na sessão da tarde. Um filme bobo perto de todos os outros filmes lançados nesses vinte anos, mas é um filme marcante. A história é a seguinte: cinco adolescentes ficam de detenção num sábado. Um atleta, uma patricinha, um nerd, um deliqüente e uma estranha. O mote para esse filme não possui nada de extraordinário e poderia passar por qualquer outro filme, mas ele se destacou.

The Breakfast CLub

Mas o que fez esse filme ser tão especial para mim ? Hoje eu posso afirmar que esse filme foi aquele que plantou a sementinha na minha cabeça que rótulos são somente rótulos. Na minha época de adolescente, eu poderia muito bem ser considerado o nerd, mas eu queria ser o deliqüente embora não tivesse coragem ou revolta suficiente, queria ser o atleta embora não tivesse o corpo e a saúde. Podia ficar horas pensando o que o deliqüente e o atleta tinham que eu não tinha. E esse filme mostrou que não há diferenças dentro das pessoas. Os conflitos são os mesmos. Se você tirar o rótulo, a essência é a mesma. E cinco pessoas tão diferente colocadas na mesma sala começam a encontrar coisas em comum. Ao mesmo tempo que vêem que seus conflitos são parecidos, outros conflitos nascem desse encontro. Eles ficam preocupados se na segunda-feira, eles se falarão quando se encontrarem no colégio ou se continuarão a viver como seus rótulos mandam.

Ainda adoro a cena em que a estranha, Allison, interpretada por Ally Sheedy, termina o desenho na carteira e começa a coçar a cabeça para que as suas caspas façam o papel da neve. Adoro a cena deles fungindo do diretor, que por sinal tem um quê de Diretor Skinner. A cena deles dançando ainda é muito legal. E a cena que o atleta, Andrew, interpretado por Emilio Estevez, surta depois que fumar um baseado ainda é uma cena cômica para mim. E o tema do filme é outra coisa que me marcou, sempre estou cantarolando por aí. Não lembra do tema do filme? E aproveite também para relembrar o filme.

The Breaksfast Club junto com St. Elmo’s Fire foi o marco de lançamento de atores jovens na indústria cinematográfica. Nesse pacote estavam incluidos Rob Lowe e Demi Moore que foram os que conseguiram se manter até hoje. Os outros estão sumidos e fazendo pontas em filmes. Quer ver o que vinte anos fizeram com esses jovens atores? E digo: a arte de envelhecer não são para todos.

Dirigido por John Hughes, o mesmo de Curtindo a Vida Adoidado, outro hit adolescente que marcou época, Mulher Nota 1000 com Kelly LeBrock, a mesma Dama de Vermelho, e Esqueceram de Mim; O Clube dos Cinco é um filme que vale a pena assistir, uma vez na vida, ou pelo menos uma a cada dez anos.

Anúncios

2 comentários sobre “The Breakfast Club

  1. Eu concordo.

    Vi o filme no começo dos anos 90, numa madrugada insone fazendo algum trabalho de faculdade.

    Eu lembro sempre do atleta narrando como ele se sentia mal ao lembrar da vez que aprontou uma maldade com um sujeito porque era isso que esperavam dele. Ele ficava pensando só na vergonha do outro sujeito…

    Todos eram difíceis de definir. Quando você esperava uma coisa, surgia outra.

    O John Hughes podia parar de fazer filmes depois daquela sequência… e acho que o fez 😉

    “a brain… and an athlete… and a basket case… a princess… and a criminal… ”

    Lembro da pressão que as famílias do nerd e do atleta faziam para que eles fossem os melhores nos seus rótulos, mostrando que dois mundos diferentes são tão parecidos…

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s